Arquivo de etiquetas Contemplação de Consórcio

PorRedação Faça Seu Consórcio

Entenda mais sobre contemplação

Fazendo uma pesquisa com os jovens de hoje em dia, a grande maioria tem vontade de adquirir um bem, e dentre eles o mais desejado é a casa própria, porém sabemos da dificuldade que temos para conseguir, são tantos os empecilhos que muito até desistem.

            Como alternativa a tantas dificuldades surge então o consórcio imobiliário, que nada mais é que uma modalidade de investimento da qual facilita a vida dos investidores.

            Considerando a importância do consórcio imobiliário, nesse artigo falaremos do mesmo e lhe mostraremos como ser contemplado. Vamos lá?

  1. Como funciona o consórcio imobiliário?

Se você sabe como funciona um consórcio nacional como um todo, saiba que é exatamente a mesma coisa. Basicamente, uma vez consorciado, você participará de um grupo junto com outras pessoas de interesse comum, onde assim mensalmente irão participar de assembleias que tem como objetivo sortear o contemplado do mês que enfim irá receber a sua carta de crédito.

  • Como funciona a contemplação do consórcio imobiliário?

Uma vez que você invista em um consórcio imobiliário, você terá duas formas de ser contemplado:

  • Via Sorteio: Como já dito anteriormente, a cada 30 dias ocorrem as assembleias. Nessas, é sorteado um consorciado que será finalmente contemplado com a sua carta de crédito. No entanto, vale ressaltar que uma vez que você dependa do sorteio para ser contemplado, não há como prever quando que você irá adquirir o seu bem, já que você poderá ser sorteado tanto no primeiro quanto no último mês.
  • Via lances: De forma a agilizar o processo e tentar adquirir a sua casa própria de forma mais rápida, você pode ofertar lances. Os mesmos são ofertados durante as assembleias e uma vez que o seu seja maior que os demais, você receberá a sua carta de crédito. Caso não, o dinheiro volta para você e você pode continuar a juntar para ofertar um lance mais alto.
  • Regras básicas do consórcio imobiliário

Existem algumas regras básicas quando falamos em consórcio nacional como um todo. Veja:

  • Uma única parcela atrasada, é motivo para que você não participe do sorteio e nem possa dar lances.
  • É preciso verificar se a administradora possui autorização pelo Banco Central para funcionar.
  • Não é necessário esperar um grupo iniciar, é possível entrar em um grupo já formado.
  • É preciso se adequar a data de vencimento da prestação, imposta pela administradora.
  • É possível usar a carta de crédito para comprar um carro novo ou usado.
  • Também é possível antecipar o pagamento das parcelas.
  • O consorciado tem direito a usar até 10% da sua carta de crédito para arcar com despesas do veículo, como seguro ou IPVA.

Agora que você já sabe tudo sobre o consórcio imobiliário, que tal dar vida ao seu sonho? Para isso, basta acessar nosso simulador de consórcio e começar a fazer suas simulações. Em caso de necessidade, estaremos prontos para lhe atender e lhe ajudar a tornar o seu sonho real.

PorRedação Faça Seu Consórcio

Confira 8 motivos para você investir num Consórcio Nacional!

Consórcio Nacional

Se você sonha em adquirir uma casa, um carro ou uma moto, sabe o quão difícil é ter poder aquisitivo para investir em algo desse valor. No entanto, há alternativas para fazer desse investimento algo mais viável e uma delas é o Consórcio Nacional.
Sendo assim, esse artigo é exatamente para você que está em dúvida e não sabe se vale ou não apena investir em um consórcio nacional. Então, vejamos os 8 motivos para se apostar nessa modalidade de investimento:

1. Diversidade de planos
Quando você resolve investir em um consórcio nacional, você conta com uma grande diversidade de planos, já que antes de fechar contrato com a administradora, você define o quanto precisa para adquirir o seu bem e também o valor da parcela de forma que caiba no seu bolso.

2. Baixos Custos
Uma vez que você opte por um consórcio nacional, você estará livre de juros. Isso ocorre porque diferente de quando você opta por um financiamento, você não estará pedindo dinheiro emprestado a um banco, sendo assim os juros são proibidos e o seu investimento sai muito mais barato.

3. Parcelamento integral
Ter o valor da entrada é muitas vezes aquilo que impossibilita o negócio. No entanto, uma vez que você opte pelo consórcio nacional, você não precisa se preocupar com isso, já que o valor parcelado corresponde ao valor total do seu bem desejado.

4. Flexibilidade do uso de crédito
O objetivo final de um consórcio nacional é fazer com que você adquira um bem ou serviço. No entanto, o que muita gente não sabe é que é possível pegar a sua carta de crédito em dinheiro. Para isso, basta aguardar 180 dias após a contemplação, de forma que a administradora se organize para lhe repassar o dinheiro.

5. Poder de compra à vista
Uma vez contemplado no consórcio nacional, você receberá a sua carta de crédito. A mesma funciona de forma equivalente a compra à vista, e dessa forma, você tem um bom poder de barganha podendo assim conseguir bons descontos na compra do seu bem.

6. Possibilidade de Antecipação
Como já dito anteriormente, o consórcio nacional se baseia em sorteios e assim você não sabe em que momento será contemplado. No entanto, uma vez que você consiga juntar dinheiro, você poderá ofertar lances durante as assembleias e caso o seu seja maior que os demais, você será contemplado.

7. Uso de 10% para despesas
Outro ótimo motivo para investir em um consórcio nacional, é poder pegar até 10% do valor total para despesas que estejam relacionadas a compra do bem. Tais despesas podem ser transferências de propriedade, registros em cartórios, tributos e etc.

8. Investimento responsável
Muitos são os casos de pessoas que fazem investimos e tão logo acabam prejudicando a saúde financeira da família. No entanto, uma vez que
você invista em um consórcio nacional, você estará fazendo um investimento planejado e que realmente cabe no seu bolso. Dessa forma, o consorciado adquire o bem que tanto sonhou e ainda mantem a estabilidade financeira da família.

Agora que você já sabe tudo sobre o Consórcio Nacional, que tal acessar nosso simulador de Consórcio e começar a realizar o seu sonho agora mesmo?
Clique aqui e acesse!!

PorRedação Faça Seu Consórcio

Consórcio x Financiamento: Descubra qual deles é feito especialmente para você!

Consórcio X Financiamento

Se você está planejando fazer um investimento de alto valor como
comprar uma casa ou um carro por exemplo, você deve estar a se perguntar: Consórcio ou Financiamento?

Portanto, siga a leitura deste artigo, veja um levantamento geral de ambas formas de investimento e decida qual se encaixa melhor no seu perfil.

A verdade é que se você chega aqui esperando que eu lhe responda
sobre qual modalidade de investimento é a melhor, você se sentirá um tanto quanto decepcionado.
Uma vez que se questiona sobre consórcio X financiamento, apenas o
investidor poderá responder com certeza essa questão, já que ambos têm tanto suas vantagens como desvantagens. Se você precisa adquirir seu bem de forma rápida, um destes modelos de investimento é o mais indicado. No entanto, se você preza pela economia, o outro modelo é o que melhor se aplica.
Para que você entenda melhor, vejamos alguns pontos de ambas formas
de investimento. Começando pelo consórcio…

Detalhes do consórcio

Falando de uma forma mais geral, o consórcio nacional nada mais é do
que uma associação que reúne um grupo de pessoas com interesse comum, ou seja, você se junta a outras pessoas que também buscam adquirir o mesmo bem que você e criam um fundo de investimento.
Após criar esse grupo, cada integrante fica na obrigação de pagar suas
parcelas corretamente e então, mensalmente ocorrem as assembleias, onde ocorrem sorteios e um cliente por vez é contemplado.
No entanto, não é possível saber quando você será sorteado. Pode ser que seja no primeiro ou no último mês. Caso você precise adquirir o seu bem com uma certa urgência, você poderá fazer lances durante as assembleias, onde assim, se o seu valor for mais alto que os demais, você recebe a sua carta de crédito para adquirir o seu bem.

Vantagens do Consórcio Nacional

Para lhe ajudar a analisar melhor a questão sobre consórcio X financiamento, veja as vantagens do consórcio:
– não há necessidade de entrada;
– não existem juros. Há apenas uma taxa administrativa que é menor que qualquer outro tipo de juros dos financiamentos;
– diferente de outros métodos de investimento, no momento de fechar o contrato do consórcio não é feita avaliação de crédito;
Isso só ocorre quando você for contemplado, ou seja, você pode começar o processo com algumas pendências financeiras, mas precisa resolvê-las o quanto antes;
– método transparente, já que você sempre saberá o quanto está a
investir;
– os valores são atualizados constantemente de forma que você não corra o risco do seu bem ou serviço sofrer um aumento durante o consórcio.

Detalhes do Financiamento

Falando de uma forma direta, o financiamento é a ideia de comprar um
bem ou serviço de forma parcelada e com acréscimo de juros que variam de acordo com a quantidade de meses da qual você dividiu o valor total.
Em relação ao pagamento nessa modalidade de investimento, cada
instituição financeira faz as suas próprias regras. De forma geral, todas pedem que você dê como entrada cerca de 20% do valor total da sua aquisição. No entanto, antes mesmo de adiantar esse valor, a empresa responsável exige toda a sua documentação para verificar possíveis pendências e uma vez que as encontrem, você não poderá seguir com o processo.

Vantagens do Financiamento

A grande vantagem do financiamento é que o mesmo permite que você
compre o seu bem ou serviço de forma mais rápida. Assim que você assinar o contrato, você já terá direito de usufruir daquilo que deseja. E então, consórcio ou financiamento?

A verdade é que só você tem a resposta para essa questão. Uma vez que se depare com o questionamento consórcio X financiamento, você deve colocar alguns pesos na balança.

Se você precisa adquirir o seu bem o quanto antes e possui dinheiro para arcar com os juros, a melhor opção é o financiamento. No entanto, se você pode esperar um pouco e prefere economizar, o consórcio é a sua melhor alternativa.

Clique aqui, acesse nosso simulador de consórcio e dê início ao sonho que mudará sua vida!!

 

PorRedação Faça Seu Consórcio

Lance vencedor no consórcio, como funciona?

Entenda como funciona o Lance vencedor no consórcio

O consórcio é um sistema que oferece os mesmos direitos e deveres a todos os integrantes de determinado grupo, sem beneficiar um ou outro. Logo, os lances são sempre apurados de forma justa e igualitária. Mas isso não significa que o maior valor será o vencedor, em função de algumas variáveis que veremos a seguir:

Créditos diferentes no mesmo grupo:

Um mesmo grupo de consórcios pode ter integrantes com valores diferentes de crédito. É o que prevê aCircular 3432 do Banco Central do Brasil (BCB), autoridade reguladora e fiscalizadora do Sistema de Consórcios. No texto da norma, consta que: “É admitida a formação de grupos em que os créditos sejam de valores diferenciados, observado que o crédito de menor valor, vigente ou definido na data da constituição do grupo, não pode ser inferior a 50% (cinquenta por cento) do crédito de maior valor.”

Neste caso, uma das formas de apuração justa é definir como vencedor aquele que ofertar o maior percentual em relação ao crédito. Assim, se dois consorciados de um mesmo grupo possuem créditos diferentes e ofertam lances de R$ 10 mil, será o vencedor aquele cujo lance representar um percentual maior do total do crédito, desde que haja saldo no caixa do grupo, como veremos a seguir.

Por exemplo: se o primeiro consorciado tem uma carta de crédito de R$ 20 mil, o lance de R$ 10 mil corresponde a 50% desse valor. Se o segundo consorciado tem uma carta de R$ 30 mil, o lance de R$ 10 mil corresponderá a 33,3% desse total. Neste caso, o primeiro consorciado, cujo percentual é maior, será o vencedor (desde que haja saldo disponível no caixa do grupo, como veremos adiante). Somente o consorciado contemplado realizará o pagamento do lance.

Lance de quitação

No momento da oferta do lance, quando o consorciado seleciona a opção lance de quitação, prioritariamente ele será o vencedor.

Saldo disponível no caixa do grupo

No consórcio, pessoas de um mesmo grupo contribuem com um fundo comum. Este é utilizado para a compra do bem ou serviço pelos integrantes, sendo a ordem definida por sorteio ou lance. A empresa apenas administra o caixa do grupo, não podendo acrescentar recursos próprios.

Dessa forma, para que as contemplações sejam realizadas, é necessário que existam recursos disponíveis no caixa do grupo. Se determinado, caso o consorciado tenha o lance vencedor, porém o saldo do grupo não seja suficiente, não será possível realizar sua contemplação. Vale destacar que a contemplação por lance somente pode ocorrer após a contemplação por sorteio, conforme normas do BCB.

O mais importante de tudo isso é saber que ao consorciado é assegurada a igualdade na concorrência pela contemplação, seja por sorteio ou lance. Todas as regras de oferta e desempate de lance devem constar no contrato. Ainda, as informações referentes ao grupo, inclusive sobre as contemplações, são informadas ao consorciado durante as Assembleias Gerais Ordinárias (AGO).