Arquivo de etiquetas Poupança x Consórcio

PorRedação Faça Seu Consórcio

Confira 8 motivos para você investir num Consórcio Nacional!

Consórcio Nacional

Se você sonha em adquirir uma casa, um carro ou uma moto, sabe o quão difícil é ter poder aquisitivo para investir em algo desse valor. No entanto, há alternativas para fazer desse investimento algo mais viável e uma delas é o Consórcio Nacional.
Sendo assim, esse artigo é exatamente para você que está em dúvida e não sabe se vale ou não apena investir em um consórcio nacional. Então, vejamos os 8 motivos para se apostar nessa modalidade de investimento:

1. Diversidade de planos
Quando você resolve investir em um consórcio nacional, você conta com uma grande diversidade de planos, já que antes de fechar contrato com a administradora, você define o quanto precisa para adquirir o seu bem e também o valor da parcela de forma que caiba no seu bolso.

2. Baixos Custos
Uma vez que você opte por um consórcio nacional, você estará livre de juros. Isso ocorre porque diferente de quando você opta por um financiamento, você não estará pedindo dinheiro emprestado a um banco, sendo assim os juros são proibidos e o seu investimento sai muito mais barato.

3. Parcelamento integral
Ter o valor da entrada é muitas vezes aquilo que impossibilita o negócio. No entanto, uma vez que você opte pelo consórcio nacional, você não precisa se preocupar com isso, já que o valor parcelado corresponde ao valor total do seu bem desejado.

4. Flexibilidade do uso de crédito
O objetivo final de um consórcio nacional é fazer com que você adquira um bem ou serviço. No entanto, o que muita gente não sabe é que é possível pegar a sua carta de crédito em dinheiro. Para isso, basta aguardar 180 dias após a contemplação, de forma que a administradora se organize para lhe repassar o dinheiro.

5. Poder de compra à vista
Uma vez contemplado no consórcio nacional, você receberá a sua carta de crédito. A mesma funciona de forma equivalente a compra à vista, e dessa forma, você tem um bom poder de barganha podendo assim conseguir bons descontos na compra do seu bem.

6. Possibilidade de Antecipação
Como já dito anteriormente, o consórcio nacional se baseia em sorteios e assim você não sabe em que momento será contemplado. No entanto, uma vez que você consiga juntar dinheiro, você poderá ofertar lances durante as assembleias e caso o seu seja maior que os demais, você será contemplado.

7. Uso de 10% para despesas
Outro ótimo motivo para investir em um consórcio nacional, é poder pegar até 10% do valor total para despesas que estejam relacionadas a compra do bem. Tais despesas podem ser transferências de propriedade, registros em cartórios, tributos e etc.

8. Investimento responsável
Muitos são os casos de pessoas que fazem investimos e tão logo acabam prejudicando a saúde financeira da família. No entanto, uma vez que
você invista em um consórcio nacional, você estará fazendo um investimento planejado e que realmente cabe no seu bolso. Dessa forma, o consorciado adquire o bem que tanto sonhou e ainda mantem a estabilidade financeira da família.

Agora que você já sabe tudo sobre o Consórcio Nacional, que tal acessar nosso simulador de Consórcio e começar a realizar o seu sonho agora mesmo?
Clique aqui e acesse!!

PorRedação Faça Seu Consórcio

O que é o Consórcio?

Se você chegou neste artigo, e está buscando entender sobre as possibilidades que o consórcio oferece, você está no lugar certo. 

A primeira coisa que você precisa saber é que o consórcio é uma forma completamente segura de você planejar o que fará com o seu investimento. 

O que é o consórcio?

Consórcio é a reunião (Grupo) de pessoas físicas ou jurídicas, promovida pela administradora, com prazo de duração previamente estabelecido, com a finalidade de adquirir bens móveis duráveis e imóveis. O sistema de consórcios tem ajudado muitas pessoas a construir seu patrimônio e realizar seus sonhos com uma taxa diferenciada, bem acessível, muito inferiores às taxas de juros cobradas pelas financeiras e bancos.

O que é um grupo de consórcio? 

É a união de participantes do mesmo segmento. O grupo receberá um número (cota) de identificação e terá um limite máximo de participantes. Esta informação deverá ser adquirida pelo consorciado no momento de sua adesão ao grupo.

O que é uma administradora de consórcio? 

A administradora do consórcio nada mais é do que a empresa responsável por organizar e gerenciar os grupos de consórcio que estarão buscando adquirir bens ou serviços.

Quais são as etapas de um consórcio? 

  • Simulação: Assim que você decidir por investir em um consórcio,
    é necessário fazer uma simulação.

Você pode clicar aqui e acessar o nosso simulador de consórcio.

É nessa etapa que você conseguirá ter uma ideia dos valores das suas mensalidades e também do valor total da sua carta de crédito. No entanto, antes de começar o processo de simulação, você deve decidir no que pretende investir.

As possibilidades são muitas, e você poderá investir em consórcios de casa, consórcios de carros, consórcios de motocicletas e ainda uma série de outros bens e também serviços.

  • Assembleias: Após passar pela etapa de simulação e assinar o
    contrato do seu consórcio com um especialista, você já pode se considerar um consorciado.

Sendo assim, todos os meses você deverá participar das assembleias organizadas pela administradora do consórcio.

É nesse momento que serão feitos os sorteios dos bens, e se você
não foi sorteado no primeiro mês, não desanime, pois logo logo
isso acontecerá!

No entanto, para que você possa participar dessas reuniões, você deve estar com as mensalidades em dia e com toda a documentação em ordem.

  • Contemplação por sorteio: Essa é a etapa mais esperada por
    todo o consorciado, pois é aqui que você finalmente irá realizar o
    seu sonho.

No entanto, nenhuma administradora poderá lhe garantir quando que você será ou não sorteado. Isso pode acontecer tanto na primeira assembleia como na última.

  • Contemplação por lance: Caso você tenha uma certa pressa,
    você pode tentar conquistar o seu bem ou serviço de forma mais
    rápida. Para isso, basta fazer um lance nas assembleias.

Ele funciona de forma a competir com os demais consorciados e uma
vez que o seu lance seja maior que os demais, você será contemplado.

O que você pode comprar com um consórcio?

A verdade é que você pode investir em uma grande lista de coisas
através de um consórcio. No entanto, listamos algumas para você:

  • Consórcio de automóvel: devido a sua facilidade, o consórcio de
    automóvel é o mais procurado dentre todos existentes. Com ele
    você pode investir em veículos de até 220 mil e ainda utilizar o
    seu carro usado como lance para adquirir um novo modelo. Deseja saber mais? Simule agora mesmo! 
  • Consórcio de moto: é possível adquirir o seu produto
    com parcelas a partir de R$ 140 reais e ainda dividir em incríveis
    70 vezes. 
  • Consórcio de imóveis: vem em um grande
    crescente ao longo dos anos, e isso se deve ao fato da facilidade
    que o mesmo proporciona, já que você pode parcelar a aquisição do bem em até 200 vezes. Além do mais, você pode utilizar o consórcio
    de imóveis para adquirir terrenos, imóveis na planta, casas e
    apartamentos já construídos e também para investir em um
    negócio.
  • Consórcio de serviços: Não só de bens vivem os consórcios.
    Você pode utilizar o mesmo para adquirir também um serviço.
    Sendo assim, você poderá adquirir cartas de até 30 mil, parcelar
    em 40 vezes e investir em viagens, estudos, cirurgias, festas, eletroeletrônicos e muito mais!

Vamos recaptular? 

  1. Defina o seu objetivo: pense em você e na necessidade que você tem. Você pensa em seu futuro? Está em busca de um imóvel para investimento ou para você e sua família? Procura por um automóvel, pesado? Quer fazer uma viagem, cirurgia? O consórcio possibilita. 
  2. Simule o seu consórcio informe o que deseja e o valor. Um especialista irá entrar em contato com você para entender a sua necessidade, e oferecer a melhor proposta para você. 
  3. Você entende o que foi oferecido, e se estiver de acordo com a proposta apresentada pelo vendedor de consórcio, você pode fechar negócio imediatamente. 
  4. Pagamento do boleto: assim que você aceita a proposta do vendedor, ele irá te encaminhar um boleto para pagamento. Este boleto permite que você possa participar da assembleia e concorrer aos sorteios. 
PorRedação Faça Seu Consórcio

Poupança ou Consórcio qual será a melhor escolha?

Segundo pesquisas da Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio (ABAC), quem entra em um consórcio economiza até 4,5 vezes mais do que uma pessoa que opta por utilizar a poupança.

Tanto o consórcio quanto a poupança tem seus pontos positivos e negativos, mas ambas as opções são válidas na hora de investir, você apenas deve se perguntar: tenho uma vida financeira organizada e consigo guardar dinheiro?

Se a resposta for positiva a poupança pode fazer sentido para o seu dia a dia, uma vez que você vai conseguir se regrar e juntar o montante necessário para o que deseja adquirir, sem ter que pagar taxas de administração ou quaisquer outras, gerando até um pequeno lucro mensal.

Caso a resposta seja negativa, então com certeza o consórcio é a opção para poupar mais indicada para você, uma vez que o boleto de depósito chega todo o mês na sua casa, e reaver o dinheiro já investido não é tão fácil quanto fazer uma retirada no banco.

Como funciona a poupança

O bom da poupança é a liberdade que você tem em investir quanto e quando quiser, se um mês for mais apertado você pode depositar menos ou não depositar nada e repor isso no próximo mês.

O ruim da poupança é que você tem a liberdade de retirar o dinheiro a hora que quiser e fazer os depósitos quando você quiser também. O que vai acontecer é que, se não for regrado o suficiente você não verá a poupança crescer e, mesmo que cresça , tirar um pouquinho aqui e ali logo fará com que ela murche novamente.

Além disso, esse fundo de poupança vai gerar um lucro para você conforme o tempo e quantidade de dinheiro guardado ali. Lembre-se que deve ficar de olho nas mudanças do mercado e em como o seu dinheiro pode valorizar e desvalorizar, faça a seguinte pergunta: os 10 mil que você investiu na poupança em janeiro deste ano vão poder comprar a mesma coisa que eles comprariam quando investido em dezembro?

Como funciona o consórcio

O consórcio é uma modalidade de poupança forçada, onde você tem uma quantia exata mensal que deve pagar à administradora do consórcio para que, ao longo do tempo, você seja contemplado para a carta de crédito, através de sorteio ou lance, mesmo que não tenha atingido o valor total necessário ainda.

Ela é forçada justamente pelo motivo de que, se você não pagar a parcela em dia, todos os meses, você não é apto para atingir a contemplação. Um dos benefícios é que existe uma correção de valores durante o tempo, o que vai fazer com que você mantenha o poder de compra para o produto que mirou desde o início.

A administradora do consórcio vai cobrar uma taxa de administração, assim como mais algumas outras para o melhor funcionamento do grupo, o que fará com que você invista um pouco mais para adquirir um bem móvel, imóvel ou serviço.

Que tal unir forças e aderir as duas formas de poupar?

Você pode, por exemplo, investir no consórcio da sua casa própria em um plano que caiba no bolso e ainda ter uma conta poupança, depositando mensalmente, para estar sempre protegido de imprevistos, dessa forma se precisar usar a sua poupança em uma emergência você já sabe que isso não vai interferir na compra da sua casa própria.